quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Justiça do RJ condena universitário por acidente com ônibus que matou 9

Rodrigo dos Santos Freire foi sentenciado a 13 anos de prisão.
Coletivo caiu de viaduto em 2013 após o estudante agredir motorista.
video
A Justiça do Rio de Janeiro condenou o universitário Rodrigo dos Santos Freire a 13 anos de prisão por ter causado um acidente de ônibus em 2013, em que nove pessoas morreram e sete ficaram feridas. A informação foi dada em primeira mão pela Globonews.

O acidente ocorreu em 10 de abril de 2013 com um ônibus da linha 685 (Méier-Irajá). Rodrigo se envolveu em uma briga com o motorista do coletivo, que estava em movimento. O veículo despencou do Viaduto Brigadeiro Trompowski, de uma altura de aproximadamente 8 metros, sobre a Avenida Brasil.

Rodrigo foi sentenciado a 10 anos de prisão pelo crime de expor a perigo meio de transporte público causando desastre. É a primeira vez que alguém é condenado por este tipo de crime no país. Ele foi condenado ainda a mais três anos de prisão pelo crime de lesão corporal grave contra o motorista. Ele poderá recorrer da sentença em liberdade.

O motorista do ônibus, André Luiz da Silva, também foi processado pelo crime expor a perigo meio de transporte público, mas foi inocentado da acusação.

De acordo com as investigações, Rodrigo tinha pedido para descer fora do ponto, mas o motorista se recusou. Revoltado, o universitário se revoltou teria dado chutes no motorista, que perdeu o controle da direção. O ônibus rompeu a grade lateral de proteção do viaduto e tombou de cabeça para baixo na Avenida Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui