sábado, 20 de fevereiro de 2016

Senador Delcídio do Amaral deixa prisão em Brasília;vídeo.

Assista ao vídeo

video

Petista foi preso em novembro após oferecer dinheiro e fuga para delator. Ele ficará em recolhimento domiciliar e poderá ir a sessões no Senado. Senador Delcídio do Amaral deixa prisão em Brasília
Petista foi preso em novembro após oferecer dinheiro e fuga para delator. Ele ficará em recolhimento domiciliar e poderá ir a sessões no Senado. O senador Delcídio do Amaral (PT-MS) deixou na noite desta sexta-feira (19) prisão no Batalhão de Trânsito da Polícia Militar do Distrito Federal (BPTrans), onde estava preso desde 18 de dezembro. Ao todo, Delcídio cumpriu 87 dias de prisão preventiva. O parlamentar foi preso após pedido da Procuradoria Geral da República (PGR) e autorização concedida pelo Supremo Tribunal Federal (STF), por suspeita de tentar atrapalhar as investigações da Operação Lava Jato. Em novembro, ele foi gravado oferecendo fuga para que ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró não fechasse acordo de delação premiada. Nesta sexta, mais cedo, o ministro Teori Zavascki, do STF revogou a prisão preventiva do senador. Relator dos processos da Operação Lava Jato no STF, Teori determinou recolhimento domiciliar de Delcídio no período noturno e dias de folga, enquanto no pleno exercício do mandato de senador.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui